de um aviso pornográfico…

© google | Tomo II
caríssima(o),
agora que captei a tua melhor atenção, vamos ao que interessa, sendo que serei sintético (dentro do possível)
no início desta semana, fui confrontado com este aviso (aqui), o qual foi comum a todos quantos possuem blogues afectos à plataforma blogger, administrada pela Google.
este espaço de discussão alia (e versa, também, sobre) duas vertentes nitidamente masculinas: Futebol (entenda-se FC Porto) e gajas boas não necessariamente sobre esta ordem de ideias.
gajas que não são de Ermesinde, gajas boas (bem boas) e que são do FC Porto e prognósticos (um tanto ou quanto) sexy’s são três categorias deste espaço que, pelo seu (rico) conteúdo poderão colidir com os argumentos invocados pelos… como deverei classificá-los e/ou adjectivá-los, ma sem ser alarve?… pudicos (?) castos (?) virtuosos (?) imaculados (?) artolas da Google.
perante este facto, que será consumado a 23 de Março do corrente ano, alguns de vós fizeram-me chegar alguns gentis comentários e fervorosos e-mails, apelando a que reconsidere a publicação das categorias em causa e que, no limite, as elimine.
a razão principal subjacente a todos esses pedidos é a de que (mais palavra, menos vírgula) ficar sem as gajas será sempre um mal menor, uma vez que o blogue é extremamente dedicado no que ao quotidiano do FC Porto diz respeito. e impossibilitar o acesso ao seu arquivo e já considerável espólio, principalmente a quem o visita por Bem, não é de todo desejável.
só por si, estes apelos e sem falsas modéstias, enchem-me de orgulho e conferem-me um alento suplementar para continuar esta saga com energia redobrada, a qual se iniciou em Julho de 2008
assim sendo e pelo exposto, confesso-te que estou hesitante em eliminar todas as postas das categorias em causa, sobretudo porque sim! e depois porque me deram algum trabalho, não só a compilar a informação  (mormente visual) nelas inserida, como a redigi-las com todo o apreço e todo o carinho que me merece(ra)m. e também porque, apesar da nudez (na sua maioria explícita), não as considero pornográficas  pelo menos no que depreendi que os estroinas da Google se referem a propósito desta vertente.
portanto, estarei expectante por aquela data, mantendo a intenção de não apagar seja o que for que já publiquei e, também, por uma questão de orgulho besta. a partir da data em causa – 23 de Março – saberei/saberemos se este espaço permanece público ou se se torna privado, com necessidade de muita burocracia para ser consultado…
entretanto, por uma questão de prevenção/precaução e porque certamente terei acesso limitado e muito restrito ao universo Google, já estou em testes, noutra plataforma que não a blogger, para um possível Tomo III
e pronto. era tão-somente isto que te queria transmitir. 
e partilhar contigo que hesitei no título da presente posta de pescada®, com a segunda hipótese a recair no sintomático sexo grátis
e que a imagem que a embeleza representa um cartaz verídico, localizado próximo de uma reserva aborígene, no Norte da Austrália, onde o álcool e materiais de cariz pornográfico são proibidos.
disse!
Anúncios

de 30 ‘sombras’…

… de santillo, Will Santillo, (in)decentemente sacadas da obra “le petit mort, as mesmas aparecerão na segunda parte desta curtíssima, telegráfica posta de pescada®logo a seguir ao «gosto» do faceboKas®, em «‘no pare, sigue, sigue’».

mais informo que o conjunto de trinta-imagens-trinta foi disposto um pouco à bruta, sem qualquer ordem aparente, e que se recomenda prudência na sua visualização (sobretudo e mormente) em espaços públicos.

faço votos para que sejam do teu agrado (tal como foram para mim) 😀

e não precisas de agradecer; eu sei que sou um querido! 😉

por último e não menos importante, dou-te conta de que, neste entretanto vou ali dar uma… voltinha e venho já!
o regresso está previsto para Terça-feira, dia 24 de Fevereiro de 2015.
até lá, o meu mais sincero desejo é o de que

«façam o favor de ser felizes!»


todas as fotos:

clicar na imagens para ampliar

(se necessário)

z
disse!

"a gente vê-se depois da chuva" (*)

© google
caríssima(o),
no Presente, está a ser (de todo!) impossível, para mim, manter este espaço actualizado on a daily basis, isto é, com a divulgação de publicações públicas (também) dos meus pensamentos (quase) todos os dias e de uma forma (quase) ininterrupta.
atenção que não estou a anunciar prematuramente qualquer intenção de me privar da tua companhia, sequer num Futuro próximo.
o que te estou a transmitir, isso sim!, é que, nos próximos tempos e devido a afazeres diversos, comunicarei contigo de forma um pouco mais espaçada no Tempo.
faço votos sinceros de continuar a ser merecedor da tua compreensão e, desde já, te peço desculpa por quaisquer transtornos causados.


* título emprestado desta balada balofa brasuca aqui.

até já! 


Miguel | Tomo II


no dia da Festa da Família…

© google
… desejo, a quem visita este espaço de discussão pública, um Feliz Natal!, na companhia dos que lhe são mais queridos!
e que, por se ter comportado muito bem no decurso do ano prestes a findar, tenha recebido muitas prendinhas no sapatinho. 

(ou que ainda as venha a receber, no Dia de Reis, que é como se celebra cá por casa)

entretanto, reencontro-te a 29 de Dezembro, Segunda-feira, aquando do meu regresso à InBicta.

somos Porto!, car@go!  
«este é o nosso destino»: «a vencer desde 1893»! 

post scriptum pertinente:


sim!, podes vasculhar à vontade, mas ao contrário de em 2011, de em 2012 e de em 2013, as únicas boas festas que te desejo são as natalícias. 

o administrador do Tomo II
Miguel Lima


not@ 40° [editada]


© google


caríssima(o), 


da ida ao nosso teatro de sonhos azuis-e-brancos, ontem à noite, na companhia do caríssimo Jorge Vassalo, ganhei uma valente gripe, com febres muito altas. 

entretanto, o ‘pikachu‘ cá de casa também não está melhor de saúde, com a esposa a dar um autêntico tilt com toda esta situação (pois que as suas costas não são imensamente largas)… 

felizmente que o meu Pai recuperou a tempo de passar as Festas em família. nem tudo podem ser más notícias 😉 

por tudo isto (e já não é pouco), peço-te muita desculpa, mas este espaço de discussão pública tem as suas portas temporariamente encerradas, por (literalmente) não haver condições. 
e desde já te desejo votos sinceros de um Feliz Natal, na companhia dos que te são mais queridos, naquela que é a verdadeira Festa da Família. 

abr@ços 
Miguel | Tomo II